Deputado Iran Barbosa volta a defender o Banese

0
158

O deputado estadual Iran Barbosa, do PT, manifestou preocupação diante da notícia de que o Banco do Estado de Sergipe (Banese) está com planos de fechar 16 de suas agências – 14 no interior e duas em Aracaju. Apesar da nota emitida pelo banco, explicando que não se trata de fechamento, mas de transformação dessas agências em “Escritórios de Negócios”, com reestruturação das unidades e as transações de caixa sendo transferidas para os Correspondentes Bancários, Caixas Eletrônicos, Aplicativo Banese e Internet Banking, o parlamentar compreende que essa política, aos poucos, vai fragilizando o banco estatal sergipano.

“Quero manifestar a minha preocupação quanto a essa notícia. Nós, que já estamos acompanhando há algum tempo os movimentos que vêm sendo feitos pelo governo do Estado em relação ao Banese, temos percebido que há uma tentativa de cada vez mais diminuir o atendimento aos usuários do banco nas mais variadas regiões, inclusive na capital”, externou.

Segundo o petista, a política de restringir o acesso dos clientes a uma agência física vai na linha do que vem sendo denunciado por ele desde o ano passado, que é a construção da fragilização do Banese visando a sua privatização. Para Iran, é preciso que a direção do banco se explique melhor sobre essa política em curso.

“Entendo ser muito pertinente a vinda de dirigentes do Banese a esta Casa para ouvirmos o que eles têm a colocar sobre essa proposta e para compreendermos melhor que política é essa que está em andamento”, afirmou o parlamentar, que defende que o Banese tem um papel social a cumprir e que a lógica do mercado não pode ser a mesma adotada para um banco que tem esse papel a desempenhar e que precisa estar presente nos municípios em que os bancos privados não chegam.