Imprimir
PDF

Iran avalia Educação no Município de Aracaju

Escrito por Valesca Montalvão | Foto: Gilton Rosas on .

Pin It

"Lamentavelmente, a minha avaliação para o cumprimento das promessas do Prefeito da nossa cidade, neste primeiro ano de gestão, no quesito Educação, é negativa""Lamentavelmente, a minha avaliação para o cumprimento das promessas do Prefeito da nossa cidade, neste primeiro ano de gestão, no quesito Educação, é negativa"No Parlamento Municipal, nesta terça-feira, 12, o vereador Iran Barbosa, do PT, avaliou a situação da Educação Municipal neste primeiro ano da gestão do Prefeito Edvaldo Nogueira, abordando questões como as condições de funcionamento das escolas; a garantia do pagamento do reajuste do valor do Piso Salarial do Magistério; e a retomada da gestão democrática na rede municipal de ensino; pontos considerados relevantes, segundo o parlamentar, para a avaliação do cumprimento das promessas do prefeito, feitas durante a sua campanha eleitoral e do seu desempenho como administrador até o momento.

“Quero lembrar que, neste primeiro ano de gestão do Prefeito Edvaldo Nogueira, tivemos, inclusive, uma greve do Magistério Municipal, na qual a categoria apresentou uma Pauta de Reivindicações que, além da revisão do valor do Piso, incluía, por exemplo, a restituição da Gestão Democrática da Educação e a melhoria na infraestrutura das escolas”, relembrou.

Infraestrutura das escolas

Iran lembrou que as escolas da Rede Municipal de Ensino foram sucateadas na última gestão, onde muitas delas foram fechadas e nunca passaram por reformas; ao tempo em que eram alugados espaços para seu funcionamento e foram comprados serviços de empresas de ônibus para transportarem os alunos. Muitos desses problemas permaneceram durante este ano e a falta de maiores investimentos no funcionamento estrutural e pedagógico das escolas seguiu marcando negativamente a Administração Municipal.

Gestão Democrática

No que concerne à Gestão Democrática, Iran destacou que a Administração Municipal prorrogou o mandato dos atuais diretores e diretores-adjuntos da rede municipal de ensino.

“Ao invés de assegurar o encaminhamento da proposta de Lei que assegure o retorno da Gestão Democrática, baseada na discussão feita com o sindicato e com as comunidades escolares, o que houve foi a prorrogação dos mandatos dos atuais dirigentes das escolas municipais. Já manifestei a minha discordância com relação a essa atitude”, destacou Iran, lembrando que apresentou uma Moção de Protesto a essa iniciativa.

Piso Salarial

Outro ponto abordado pelo parlamentar foi a negação do direito ao reajuste anual do Piso Salarial do Magistério.

“Os professores do Município de Aracaju vão terminar o ano de 2017 sem ter tido respeitado o seu direito ao reajuste anual do valor do Piso Salarial do Magistério. Por diversas vezes, apresentei dados favoráveis ao reajuste, mostrando que não há razões financeiras para a revisão não ter sido feita. Houve crescimento dos recursos e o percentual de investimentos no setor educacional, em Aracaju, até o fechamento do 5° Bimestre deste ano, foi de apenas 15,37%, quando o percentual mínimo previsto na Constituição Federal para o exercício é de 25%”, pontuou.

Avaliação Negativa

“Lamentavelmente, a minha avaliação para o cumprimento das promessas do Prefeito da nossa cidade, neste primeiro ano de gestão, no quesito Educação, é negativa, pois os pontos essenciais foram desrespeitados, visto que os compromissos firmados durante a campanha eleitoral, através de Carta Aberta com a categoria não foram observados”, afirmou Iran Barbosa.

"Espero que os equívocos sejam rapidamente corrigidos e que o ano vindouro seja, efetivamente, um ano de cumprimento de promessas eleitorais e de respeito aos direitos do povo e do Magistério, nessa área fundamental para a formação da cidadania em nossa capital: a Educação", concluiu.

Notícias relacionadas