Imprimir
PDF

Uma categoria forte!... Um sindicato de luta!

Escrito por Iran Barbosa on .

Pin It

 Lutar pelo reajuste do valor do Piso Salarial do Magistério, fazendo valer a Lei. Lutar pela garantia do pagamento de passivos trabalhistas acumulados pelo desrespeito de governantes às conquistas legais da categoria. Lutar pela revogação da Lei Complementar 213/2011, garantindo a reconquista dos direitos da carreira do Magistério Estadual. Essas são pautas imediatas que a força dos educadores sergipanos não permite que caiam no esquecimento. Para assegurar a sua negociação, é indispensável a atuação de um sindicato de luta, classista, autônomo e enraizado na base que lhe sustenta. É indispensável a atuação de um sindicato como o SINTESE!

O sucesso dessa atuação está inexoravelmente vinculado à existência de uma direção sindical legitimada pelo reconhecimento dos seus representados. Isso é indispensável para que o projeto de luta sindical seja bem sucedido. E é exatamente isso que tem garantido ao magistério sergipano, representado, na base estadual e em 74 bases municipais, pelo SINTESE, sucessivos avanços na dura luta que travamos cotidianamente. Temos uma categoria ciosa dos seus direitos. Temos um sindicato forte, organizado, autônomo e atuante. Temos uma direção sindical comprometida com a construção de uma Educação Pública de qualidade e com a garantia e ampliação dos direitos dos educadores, legitimada pelo reconhecimento e respeito dos seus representados.

Essas são as razões de, apesar de ainda termos muito por fazer, termos avançado constantemente na nossa luta árdua. Com esse espírito de disposição para a luta, de unidade e de confiança, seguiremos avançando no nosso projeto de transformação da Escola Pública e de respeito aos trabalhadores em Educação, pois... Magistério unido, jamais será vencido!

Eu não pude estar presente na última assembleia convocada pelo SINTESE, pois a pauta da Câmara Municipal de Aracaju obrigou-me a assumir as tarefas de líder da oposição naquele parlamento; mas devo dizer que tenho total acordo com o que foi deliberado pela minha categoria naquela assembleia do dia 02 de abril de 2014.

VIVA A LUTA DOS TRABALHADORES EM EDUCAÇÃO!

VIVA A LUTA DOS SERVIDORES PÚBLICOS!

VIVA A LUTA DA CLASSE TRABALHADORA!

Notícias relacionadas