O exercício profissional do nutricionista é tema de palestra na Alese

0
119
Profissionais, estudantes e a sociedade em geral acompanharam a palestra na Alese.

Por iniciativa do deputado estadual Iran Barbosa (PT), o Grande Expediente da Sessão Ordinária desta quinta-feira, 5, na Assembleia Legislativa, foi dedicado à palestra “O exercício profissional do nutricionista nas diferentes áreas de atuação”. O tema foi abordado pela coordenadora geral do Sindicato de Nutricionistas e Técnicos em Nutrição do Estado de Sergipe (Sindinutrise), Mychelyne Guerreiro, e pela delegada do Conselho Regional de Nutricionistas da 5ª Região (CRN-5), Adriana Maria Figuerêdo Batista.

Ao abordar o assunto, a coordenadora geral do Sindinutrise, Mychelyne Guerreiro, defendeu a necessidade do fortalecimento das políticas públicas de educação alimentar e nutricional, em especial do Programa Nacional de Alimentação Escolar em Sergipe (PNAE).

“Esse espaço é para a gente tentar buscar o apoio de todos os deputados e da sociedade civil para fortalecer as políticas públicas vinculadas ao Programa Nacional de Alimentação Escolar. No nosso Estado, por exemplo, não há profissionais necessários para a qualificada execução do programa e sequer há o cargo de nutricionista. Temos apenas quatro profissionais em cargo de comissão para atender os 75 municípios. Portanto, pleiteamos a criação do cargo e a autorização para a realização do concurso público em busca do direito humano à alimentação adequada nas escolas e à segurança alimentar e nutricional no nosso Estado”, afirmou.

“Se o Poder Público não investir nas políticas públicas de educação alimentar e nutricional, Sergipe não avançará e a gente vem enfrentando retrocessos. ”, acrescentou.

Neste sentido, a delegada do (CRN-5), Adriana Maria Figuerêdo Batista, reforçou a importância do exercício profissional do nutricionista.

“O nutricionista é um profissional de saúde, que trabalha com o alimento e com o corpo. Dessa forma, esse profissional está à frente das políticas de segurança alimentar e nutricional, proporcionando qualidade na alimentação oferecida”, disse. 

O deputado Iran Babosa enfatizou que a sociedade e o Poder Público precisam entender que é imprescindível assegurar o direito humano à alimentação adequada e que, na rede pública de ensino, isso perpassa pela atuação do nutricionista e pela execução de políticas públicas voltadas para essa área.

“Não podemos continuar com problemas de irregularidade na oferta da Alimentação Escolar, assim como não podemos continuar improvisando na garantia da qualidade da oferta desse programa. Profissionalizar a oferta desse direito passa, necessariamente, pela garantia da existência do cargo de nutricionistas na rede pública, em quantidade suficiente para atender à demanda da nossa matrícula. É por isso que fazemos eco às reivindicações do Sindicato e do Conselho Regional de Nutricionistas para cobrar do governo do Estado a criação dos cargos de Nutricionistas na carreira de servidores públicos estaduais e a consequente realização de concurso público para o preenchimento das vagas referentes ao esses cargos”, afirmou o parlamentar.