Deputado Iran Barbosa homenageia Margarida Alves

0
153

Ao discursar na tribuna da Assembleia Legislativa do Estado de Sergipe, na tarde da segunda-feira, 12, o deputado estadual Iran Barbosa (PT) homenageou a sindicalista paraibana Margarida Maria Alves.

O parlamentar apresentou um breve resumo da vida de luta da sindicalista, pontuando que a sua história inspirou o movimento “Marcha das Margaridas”, homenagem à militante.

“Neste 12 de agosto de 2019, faz 36 anos do assassinato de Margarida Alves. Ela foi assassinada em 1983, aos 50 anos, por um matador de aluguel a mando de fazendeiros da região”, disse.

“Defensora dos direitos humanos, militante em defesa dos direitos dos trabalhadores do campo, ela foi uma das primeiras mulheres a exercer um cargo de direção sindical no país. Postumamente, recebeu o Prêmio Pax Christi Internacional, em 1988”, acrescentou Iran.

Marcha das Margaridas

Com o lema “ Margaridas na luta por um Brasil com soberania popular, democracia, justiça, igualdade e livre de violência”, em 2019 a Marcha da Margarida completa a sua sexta edição, nos próximos dias 13 e 14, em Brasília.

“É a maior ação conjunta de mulheres trabalhadoras da América Latina. Sergipe estará presente com mulheres camponesas, ribeirinhas, quilombolas, marisqueiras, indígenas, trabalhadoras do campo e da cidade. Saíram daqui 15 ônibus”, disse.

Iran Barbosa encerrou o discurso com uma frase de Margarida Alves. “É melhor morrer na luta do que do que morrer de fome”.