Imprimir
PDF

Iran Barbosa participa de ato da Prova Final da Educação de Sergipe

Escrito por George W. Silva on .

Pin It

Professor Iran fez duras críticas às políticas de educação adotadas pela maioria dos gestores sergipanosProfessor Iran fez duras críticas às políticas de educação adotadas pela maioria dos gestores sergipanosO Vereador Professor Iran Barbosa (PT) participou, na manhã desta quinta-feira, 28, da 11ª edição da “Prova Final da Educação Pública”, atividade organizada pelo Sindicato dos Trabalhadores em Educação Básica da Rede Oficial do Estado de Sergipe – Sintese e realizada no Calçadão da Rua João Pessoa, no Centro da Capital. A Prova é uma avaliação anual, onde professores e professoras dão notas à política pública educacional de 74 gestores municipais e do governo do Estado. Aracaju fica de fora, já que os professores da rede municipal são filiados ao Sindipema.

Na avaliação de Iran, o reflexo do descaso de uma boa parte dos prefeitos sergipanos e do governador do Estado com a educação e com os educadores fica evidente diante das notas rebaixadas recebidas pela maioria dos gestores, que não alcançaram médias maiores que 5,0 (cinco), sendo reprovados no quesito Política Educacional. O governador Jackson Barreto (PMDB), por exemplo, recebeu nota 0,8 (oito décimos), inferior, inclusive, à nota obtida no ano passado, que foi 0,9 (nove décimos).

“São políticas de desmonte da educação pública e de massacre aos professores da ativa e aposentados, com negação de direitos e destruição das carreiras. Tem sido assim na política de educação implementada pelo Governo do Estado, copiada por boa parte dos gestores dos municípios. A resposta está aí, com a maioria reprovada pelos educadores”, destacou.

“Além disso, é preciso lembrar que o que se conseguiu de avanços na educação de Sergipe foi graças à luta, à organização e à resistência dos professores. Não fosse por isso, a educação pública deste Estado estaria muito pior. É fundamental fazermos essa leitura diante da avaliação rebaixada da maioria dos gestores públicos sergipanos”, disse Iran.

Situação de Aracaju

Para Iran, situação da educação do município de Aracaju também não é das melhoresPara Iran, situação da educação do município de Aracaju também não é das melhoresMesmo não tendo a base dos professores filiada ao Sintese, a política de educação do município de Aracaju foi também avaliada pelo Vereador Iran Barbosa. De acordo com o parlamentar, que é presidente da Comissão de Educação, Cultura e Esportes da Câmara Municipal da Capital, a realidade educacional do município, em 2017, não difere muito da maioria dos municípios sergipanos.

“A avaliação que faço da política educacional do município de Aracaju é que não é boa. Tivermos um ano muito difícil em relação à educação. Em 2017, não tivemos o pagamento do reajuste anual do valor do piso salarial do magistério; tivemos problemas com atrasos no pagamento dos professores ativos e aposentados; e não tivemos o resgate da gestão democrática, entre outros graves problemas”, elencou o parlamentar.

Ainda segundo Iran Barbosa, na gestão de Edvaldo Nogueira (PCdoB), até o mês de outubro, foram  aplicados apenas 15,37% dos impostos e transferências na educação, quando a legislação manda aplicar, no mínimo, 25%.

“Lembremos que, no ano que vem, esse mínimo será de 28%, e não será só dos impostos, mas de todos os tributos. E os problemas não afetaram só os educadores, os demais servidores públicos também não tiveram a revisão salarial anual assegurada pela Constituição Federal, mesmo com o comprometimento da Receita Corrente Líquida estando em apenas 46,89%, no fechamento do quinto bimestre, quando poderia chegar a 54%. Ou seja, não houve vontade política em resolver os problemas e valorizar professores e demais servidores”, lamentou o petista.

“Mas, sejamos otimistas. Que 2018 seja melhor que 2017. Nós merecemos porque trabalhamos, produzimos a riqueza intelectual deste Estado e queremos ver o resultado disso transformado em valorização para a nossa profissão e para a nossa categoria”, disse Iran, desejando um feliz ano novo para todo o povo sergipano e aracajuano.