Imprimir
PDF

Iran destaca vitória dos trabalhadores na luta contra a privatização da Deso

Escrito por George W. Silva | Foto: Gilton Rosas on .

Pin It

Parlamentar elencou as ações do seu mandato em defesa da Deso públicaParlamentar elencou as ações do seu mandato em defesa da Deso públicaO Vereador Iran Barbosa, do PT, usou a tribuna da Câmara Municipal de Aracaju, nesta quarta-feira, 28, para destacar a vitória do povo de Sergipe diante da decisão, tomada pelo Governo do Estado, de retirar a Companhia de Saneamento de Sergipe (Deso) do Programa de Desestatização do Governo Federal, via Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O governador Jackson Barreto assinou, na última segunda-feira (26), documento, endereçado à Superintendência de Desestatização do banco, rescindindo o contrato para os estudos de viabilidade técnica e econômica com vistas a uma possível privatização da estatal de saneamento sergipana.

“Em tempos tão difíceis e obscuros como os que vivemos, tem sido cada vez mais difícil comemorar uma vitória dos trabalhadores; mas agora podemos comemorar, primeiramente, a derrota do governo golpista de Temer, na semana passada, que teve que recuar da ideia de aprovar seu projeto de reforma da Previdência; e, esta semana, mais uma vitória da mobilização popular e dos trabalhadores de Sergipe, diante da desistência do Governo do Estado de avançar no processo de privatização da Deso”, destacou o parlamentar.

Iran aproveitou para parabenizar o Sindicato dos Trabalhadores em Água e Esgotos de Sergipe (Sindisan) pela mobilização que conseguiu fazer, na sociedade sergipana, em torno do tema “privatização da água e da Deso”, cumprindo uma jornada de entrevistas na imprensa e visitas a mais de 60 câmaras municipais, esclarecendo parlamentares e a população sobre os riscos de desestatizar a Companhia de Saneamento de Sergipe.

“Inclusive, através do mandato que represento, em diálogo com o sindicato, o Sindisan esteve aqui nesta Casa, esclarecendo os perigos de se levar para o âmbito do mercado o que deve ser mantido no âmbito do direito, que é o direito de acesso à água e a uma vida saudável. Quero aqui manifestar toda a minha felicidade em ver que, pelo menos neste momento, o governo federal recuou lá e o estadual recuou aqui”, externou Iran. “Mas enalteço que ambos os recuos foram fruto da resistência popular. Foi graças ao povo e aos trabalhadores nas ruas, fazendo atos e manifestando a sua divergência e discordância”, afirmou.

Ações contra a privatização

O parlamentar petista aproveitou para destacar ações do seu mandato que contribuíram com a luta contrária à privatização da Deso. Iran lembrou que, ainda no início do ano de 2017, esteve na sede do Sindisan para dialogar com a direção do sindicato já para discutir estratégias para barrar o plano de privatização da Companhia. E como consequência desse diálogo, o parlamentar buscou o apoio do Arcebispo metropolitano de Aracaju, Dom João José Costa, à causa e, junto com o mandato da deputada estadual Ana Lúcia (PT), realizou, no dia16 de fevereiro de 2017, na Assembleia Legislativa de Sergipe, a maior Audiência Pública da história daquela casa, reunindo centenas de trabalhadores da Deso e representantes dos movimentos social, sindical, de juventude e religiosos.

Iran também propôs e teve aprovado o Projeto de Resolução nº 5/2017, criando a Frente Parlamentar Contra a Privatização da Deso, na Câmara Municipal de Aracaju. Já no dia 21 de março, numa ação articulada com o Sindisan, o presidente do sindicato, Sérgio Passos, esteve no Legislativo da Capital para debater o tema “Deso como Companhia Pública: garantia aos sergipanos do direito humano de acesso à água”.

“Também participei dos vários atos promovidos pelo sindicato contra a privatização da Deso, assim como do seminário sobre a universalização do acesso à água e ao saneamento, realizado na Assembleia Legislativa. Então, cumprimos com as tarefas que nos comprometemos junto ao sindicato e  aos trabalhadores da Deso, defendendo a Companhia como patrimônio do povo sergipano. Agora, cumpre-nos continuar lutando pela Deso para qualificarmos, cada vez mais, o trabalho que realiza. Não podemos aceitar que ela seja sucateada, dificultando que os seus serviços sejam prestados com a qualidade que a população merece”, registrou Iran Barbosa.