Iran Barbosa participa de Coletiva sobre a realidade educacional durante a Pandemia

0
89

Na manhã desta quinta-feira, 26, o deputado estadual Iran Barbosa (PT) participou da Coletiva de Imprensa convocada e organizada pela SubSede Regional Agreste, do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Básica da Rede Oficial de Ensino do Estado de Sergipe (Sintese), que teve como tema “Como ficam os estudantes excluídos das aulas remotas, que tiveram o seu direito à Educação negado pelos governantes?”. Na oportunidade, a coordenação da SubSede Regional do Sintese apresentou, para a imprensa e para a sociedade sergipana, dados da realidade educacional das escolas daquela região.

Para Iran, foi um importante momento de esclarecimentos, de denúncias e de comprovação das dificuldades enfrentadas pelos professores e alunos da rede pública de Educação na execução das atividades remotas de ensino, o que tem aprofundado, ainda mais, os níveis de exclusão dos estudantes ao processo de ensino-aprendizagem.

“É fundamental trazer para o debate os dados que escancaram uma realidade que nós estamos denunciando há um tempo sobre o funcionamento precário das escolas do nosso estado”, disse.

Ao comentar sobre as informações divulgadas, Iran ressaltou que, mais uma vez, os dados comprovam o aprofundamento da exclusão educacional.

“Os dados dão conta que não há sucesso no processo de ensino-aprendizagem sem a interação humana, ou seja, resta evidente a importância que nós, educadores, e o ambiente escolar temos nesse processo. Não tem sido poucos os relatos dos alunos no sentido de que não conseguem compreender, na mesma profundidade, o debate educacional sem a mediação do professor”, pontuou.

“Outro aspecto é o de que o nosso sistema educacional, de fato, não está adequado à utilização das novas tecnologias. Nós não temos uma formação para os professores voltada para as mudanças tecnológicas; as nossas escolas não ofertam os equipamentos necessários para garantir essa forma de Educação; e grande parte das famílias dos nossos alunos também não tem condições de possuir o instrumental que garanta o acesso às tecnologias”, destacou Iran.

Diante disso, segundo o parlamentar, ao invés de as tecnologias promoverem a democratização do acesso à Educação, acabam fazendo o processo inverso.

“Esse momento tem sido de aprofundamento da exclusão educacional. E essa é a grande denúncia que está sendo feita nesta atividade”, alertou Iran.

Por fim, Iran Barbosa parabenizou todos aqueles que compõem a Subsede Regional Agreste pela iniciativa; reiterou o compromisso do seu mandato com os desafios que os estudantes e educadores estão enfrentando; lembrou que o Secretário de Educação já esteve na Assembleia Legislativa, por duas vezes, a seu convite, para prestar informações sobre o funcionamento da política educacional sergipana durante a Pandemia; registrou que apresentou diversas propostas, através de Indicações, buscando contribuir com a execução das políticas públicas neste momento desafiador; e informou que a sua equipe de assessores, neste momento, está visitando as escolas que retomaram as atividades presenciais para fiscalizar as condições sanitárias desse retorno às unidades de ensino.