Iran Barbosa apresenta propostas para incentivar a doação de órgãos

0
239

A Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese) recebeu, na manhã da quinta-feira, 16, o coordenador da Central Estadual de Transplantes de Sergipe, Benito Fernandez, que apresentou, no plenário da Casa, um panorama sobre a conscientização e a importância da doação de órgãos no estado. Na ocasião, o deputado estadual Iran Barbosa, do PT, defendeu propostas para incentivar e educar a população sergipana sobre a necessidade de se doar órgãos.

O parlamentar parabenizou o coordenador do CETSE e a sua equipe pelo importante trabalho à frente do órgão e pela luta em busca do convencimento da população da importância da doação e transplante de órgãos. Iran lembrou que, quando exercia mandato de vereador por Aracaju, apresentou um Projeto de Lei que buscava assegurar preferência, para fins de denominação de logradouros públicos, para nomes de doadores de órgãos. O Projeto foi aprovado e, depois, sancionado, tornando-se a Lei Municipal nº 4.466/2013.

“Esta lei, na verdade, não foi fruto da minha cabeça; ela foi gestada a partir de uma abordagem que uma enfermeira me fez na rua, desafiando-me a apresentá-lo na Câmara Municipal. E foi o que fizemos. Hoje, essa Lei permite, no âmbito do município de Aracaju, que se possamos homenagear, dando seus nomes a logradouros públicos, aquelas pessoas que, em vida, entenderam a importância de dar continuidade à vida de outros, doando os seus órgãos, às vezes a mais de uma pessoa”, destacou o petista.

“Neste sentido, já estou trabalhando essa proposta junto com a minha assessoria, que tem pesquisado sobre o que nós temos aqui na Casa em termos de matérias afins, para que possamos apresentar um projeto de igual teor, a fim de que, também, em âmbito estadual, possamos homenagear essas pessoas que são doadoras de órgãos”, antecipou o parlamentar.

Processo de educação nas escolas

Ainda em consonância com as problematizações levantadas pelo coordenador da Central Estadual de Transplantes na sua exposição, que relatou que, apesar de o Brasil possuir o maior sistema público de transplante do mundo e que 95% das cirurgias são feitas pelo Sistema Único de Saúde (SUS), as oportunidades de doação de órgãos ainda são baixas e que as chances de alguém precisar de transplantes são bem maiores do que, efetivamente, a de se tornar doador, o que exige um trabalho de conscientização desde a idade mais tenra, dentro do processo educacional. Neste sentido, o deputado Iran Barbosa propôs tratar dessa questão junto ao Conselho Estadual de Educação.

“Percebi que uma das grandes preocupações do Benito, que julgo profundamente acertada, é com processo de educação da população sobre a importância da doação de órgãos. A desinformação sobre isso realmente é um elemento que prejudica o processo de doação. Neste sentido, como membro da Comissão de Educação desta Casa, irei propor aos demais membros da Comissão para solicitarmos uma audiência junto ao Conselho Estadual de Educação para apresentarmos a questão para que o Conselho possa analisar, estudar e baixar uma Resolução que venha ao encontro dessa preocupação, para que o Estado de Sergipe possa abordar essa questão dentro do currículo escolar, e assim poderíamos dar um passo importante no processo de educação popular a respeito da importância dos transplantes e da doação de órgãos”, sugeriu o parlamentar.

Iran Barbosa também propôs que a TV Alese, por seu caráter público, possa disponibilizar uma cota específica para a veiculação de propagandas educativas no sentido de estimular a doação de órgãos.

“É algo que não é difícil de ser realizado e que, tenho certeza, terá um impacto muito positivo, porque muita gente acompanha a TV Alese e as suas redes sociais, e essa publicidade poderá contribuir no processo de conhecimento sobre transplantes e sobre a importância de se doar órgãos”, entende o petista

A explanação do coordenador da Central Estadual de Transplantes de Sergipe, Benito Fernandez, no grande expediente da Alese, atendeu a um Requerimento da deputada estadual Maria Mendonça (PSDB), a quem o deputado Iran Barbosa parabenizou pela iniciativa.